Lima – Dicas Gerais e Informações Básicas

A capital do Peru é um lugar que com certeza vale uma visita, ainda mais agora com a alta do dólar. Por conta disso separamos todas as dicas gerais e informações básicas sobre a cidade, onde ficar, quando ir, qual moeda levar e o que fazer em Lima.

Esse é um roteiro de viagem que sempre foi um sonho pra mim! Quem nunca quis ver de perto a maravilha do mundo Machu Picchu ou sentir como é estar a uma altitude de 3.400 metros como a de Cusco?

Pois então galera, o Peru é um lugar fantástico!  Tem uma cultura incrível, uma culinária de dar água na boca e ainda por cima é cheio de atrações.

Esse roteiro dos sonhos começa em Lima, a capital do Peru. Todo mundo que sai do Brasil querendo ver Machu Picchu faz escala lá, e ai que começa o erro. A maioria das pessoas usa a cidade somente com esse fim e nem imaginam o quanto estão perdendo. Ei, você que esta lendo esse post agora, NÃO FAÇA ISSO!

Lima tem tudo o que uma capital tem a oferecer, com o bônus de ter uma geografia interessante, uma culinária de primeira e uma riqueza cultural que a gente daqui nem imagina, pra melhorar ainda é super acessível. Prontos para conhecer?!

COMO CHEGAR EM LIMA

Existem inúmeras opções de voos para Lima, e o melhor de tudo que são apenas cinco horas! Eu fui de TAM, troquei o trecho por amigáveis 24.000 milhas ida e volta, mas lembro que na época os voos estavam em promoção em torno de R$ 900 as passagens ida e volta saindo de São Paulo.

Lima - Bairro Miraflores
Ponte no Bairro Miraflores – Passamos por ela para chegar ao Parque do Amor.

O Aeroporto Internacional Jorge Chávez (LIM) fica em Callao, e é um pouco afastado de Lima. A melhor opção para chegar no hotel de destino é o táxi, barato, em torno de $20 até Miraflores.

Pegamos o Táxi Green, que é tabelado e tem um balcão no aeroporto mesmo. Existem também os que ficam na parte de fora que cobram mais barato, mas achamos que o preço estava justo, então nem procuramos outros.

E aqui vai uma dica, aliás duas: a primeira use e abuse de táxi por lá porque é barato e tem pra todos os lados; a segunda é que PECHINCHAR é fundamental.

Nunca aceite o primeiro preço que te passarem, seja táxi, artesanato ou passeio turístico. Eles estão acostumados com isso, falam o preço que querem e ai cabe a você negociar. Se não fizer isso, te digo com total certeza que vai levar pança!

ONDE FICAR EM LIMA

IMG_1261

Sem dúvida nenhuma, fique em Miraflores. É o bairro mais turístico de Lima, muito bonito, limpo e muitas das atrações da cidade ficam por lá mesmo.

Nós ficamos no Ibis Larco Miraflores e gostamos muito. Nada luxuoso, mas quartos confortáveis e um chuveiro delícia. Mas o melhor mesmo é a localização do hotel. Ele fica a poucos passos do famoso shopping Larcomar, perto de Cassinos, do Parque Kennedy, do Parque do Amor e pra finalizar tem um serviço de táxi com preço justo.

Reservando o hotel através do nosso link pelo booking, você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o blog. Se este conteúdo te ajudou de alguma faz a reserva por aqui e dê sua contribuição pra gente. =-)

QUANDO IR

Em Lima praticamente nunca chove, apesar de ser nublada quase que o ano inteiro. Então dá pra ir em qualquer época, mas como a maioria das pessoas combina a viagem com Cusco, o ideal é ir na época da seca, de maio a setembro.

QUAL MOEDA LEVAR PARA O PERU?

Aqui começam as dúvidas sobre qual moeda levar e onde é melhor fazer o câmbio e etc. Existiu um tempo onde o real era mais valorizado que o Nuevo Sol. Pois bem, existiu e essa foi uma época muito feliz para o turista brasileiro. Infelizmente hoje a realidade é outra.

Quando fui o dólar já estava nas alturas, então eis a minha opinião. Leve dólar apenas para pagar coisas pequenas como táxi no aeroporto e o passeio de Machu Picchu. No mais, leve REAIS e troque lá mesmo por soles.

Por quê? Porque se levar tudo em dólar, chegando em Lima, terá que trocar por Soles para gastar com despesas de alimentação e assim você perde nas duas cotações. Dá até para pagar em dólar as despesas com restaurante, compras, etc, mas a cotação nunca será favorável.

Meu conselho então é: leve reais e troque só um pouco em Lima. Deixe a maior parte para trocar em Cusco porque lá a cotação é melhor.

Sobre onde cambiar não tem dor de cabeça, em Lima tem várias casas de câmbio e os cambistas estão em todas as esquinas com o coletinho da prefeitura (é seguro). Já em Cusco, bem…  É capaz de ter mais estabelecimentos pra cambiar em Cusco do que pessoas na rua. Além disso a cotação lá é bem mais amiga que a de Lima.

O QUE FAZER EM LIMA

Lima tem sim muitas atrações, mas você vai descobrir que existe outro tipo de turismo muito famoso por lá, que é o gastronômico. A cidade é conhecida como a capital gastronômica da América Latina e cada vez mais gente viaja pra lá para conhecer seus estrelados restaurantes como o famoso menu degustação do aclamado Astrid y Gastón.

O pessoal do blog do Pão ao Caviar fez uma seleção bem bacana com 10 restaurantes que valem uma visita.

Mas não se preocupe, é muito, mas MUITO difícil comer mal lá, independentemente se o restaurante é estrelado ou não. Ademais separamos uma listinha de O que fazer em Lima, afinal existem outras coisas legais pra se fazer por lá além de encher a pança.
  •  PARQUE DO AMOR

Perfeito para passear no fim de tarde. As pessoas levam bem a sério o nome porque nunca vi tanto casal namorando numa praça. Dá pra passar uma tarde agradável ali sentado na grama, apreciando a vista do mar e lendo um bom livro. Se minha memória não falha tinha  até wifi na praça.

Praça do Amor - O que fazer em Lima

  • PÔR DO SOL

Coloquei como uma atração porque é uma atração. É um espetáculo a parte e as pessoas realmente param para aprecia-lo. Mas como Lima é uma cidade cinzenta é preciso ter um pouco de sorte para conseguir observar o sol se pôr.

Pôr do Sol em Lima

  • CENTRO HISTÓRICO DE LIMA

Para começar saiba que esse é o maior centro histórico da América do Sul, então reserve com carinho um tempo para passear por ele. Comece pela Praça das Armas, onde todos os dias as 11:45 h acontece a troca da guarda e também onde ficam a Catedral de Lima, a Prefeitura e o Palácio do Governo.

Minha dica: pegue um mapa, escolha as atrações que realmente deseja visitar e se programe. São muuuuitos monumentos e por falta de foco a gente acaba deixando de visitar lugares bacanas.

Centro Histórico de Lima

IMG_1264

  • LARCOMAR

É um shopping cravado nos rochedos em Miraflores. A vista é maravilhosa, tem muitas lojas bacanas e restaurantes muito agradáveis.

  • BARRANCO

É um bairro Bohemio, se estiver procurando vida noturna seu lugar é lá.

 

  • HUACA PUCLLANA

Sítio arqueológico localizado em Miraflores. Vale muito uma visita, tanto que escrevemos um post inteirinho sobre lá.

O que fazer em Lima – Huaca Pucllana

  • Experimentar uma INKA COLA

IMG-20150405-WA0012[1]É o refrigerante peruano. As pessoas bebem isso mais do que a gente bebe cola cola. A cor é pra lá de esquisita lembra xixi e o gosto não e lá grandes coisas, me lembrou muito a pitchula, lembram? Maaass…vale a provadinha!!

Por enquanto é isso. Resumindo, Lima vale muito uma visita, separe pelo menos dois dias da sua viagem para explorá-la, você vai se surpreender.

E ai, ficou com vontade de conhecer Lima?! Espero que essa dicas de onde ficar, como chegar e O que fazer em Lima sejam úteis de alguma forma.

PLANEJE SUA VIAGEM COM A GENTE AQUI NO BLOG:

Utilizando os links acima o blog ganha uma pequena comissão a cada reserva efetuada. Você não paga nada a mais por isso e ajuda o Viaje na Web a continuar escrevendo dicas e compartilhando experiências.

[ABTM id=3651]

 

Você também pode curtir esses outros posts:

The following two tabs change content below.
Mentaliza alguém apaixonada por viagens. Desde criança sonhava em ser aventureira e foi com essa vontade de desbravar o mundo que nasceu o Viaje na Web. Escreve para compartilhar experiências e inspirar mais pessoas a se jogar nesse mundão. Acredita que tudo é possível quando acreditamos na força dos nossos sonhos.

7 thoughts on “Lima – Dicas Gerais e Informações Básicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *