Tour na Arena da Baixada do Atlético Paranaense em Curitiba

Tour pela Arena da Baixada em Curitiba - estádio do Atlético Paranaense

Fim de semana passado eu estava em Curitiba em função do 2º encontro de blogueiros organizado pela RBBV (Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem). Sem grandes expectativas mas livre de preconceitos fui visitar a Arena da Baixada através de um passeio guiado dentro do estádio do Atlético Paranaense.

Nunca fui o tipo de pessoa que acompanha futebol. Meus amigos tem ouvidos que sabem o quanto não tenho estrutura emocional pra isso. De quatro em quatro anos apenas, testo meus nervos e minha garganta assistindo aos jogos do Brasil na copa do mundo. Isso basicamente resume meu relacionamento com o futebol.

No dia a dia, não sou do tipo que acompanha nem mesmo meu time. Em tese, seria ele o Cruzeiro. Mas meu pai é torcedor do Galo e me pego torcendo ora pra um ora pro outro. Não me crucifiquem por isso, sei que são times rivais! Na minha lógica os dois são de Minas. E como boa mineira que sou, torço para que ambos se saiam bem nos campeonatos que disputam.

Nesse contexto, vocês podem imaginar como fui sem um pingo de empolgação para o tour na Arena da Baixada né?! Mas quando as expectativas são baixas, a chance de se surpreender positivamente são maiores. E foi exatamente isso que aconteceu nesta ocasião.

É com esse espírito que conto agora no blog como foi a visita ao Arena da Baixada e porque gostei tanto dessa experiência. Deixo ainda, dicas pra quem quiser fazer o mesmo passeio no estádio ou simplesmente está programando uma viagem para assistir o Atlético Paranaense jogar em Curitiba.

Gramado da Arena da Baixada

Um pouco sobre a história do estádio e do clube Atlético Paranaense

Tudo começou em 1914 quando o presidente do Internacional Foot Ball Club, Joaquim Américo Guimarães, comandou a construção do primeiro estádio.  Já deu pra pescar de onde veio o nome verdadeiro da Arena da Baixada né?!

De lá pra cá o estádio passou por várias reformas, inclusive mudou de endereço algumas vezes. A última reforma aconteceu em 2014. Foi quando a casa rubro-negra fez um investimento bem ousado para receber os jogos da Copa do Mundo. Algo na casa de amigáveis 300 milhões.

Assim, o estádio se tornou o primeiro da América Latina (construído para o futebol) a possuir a tecnologia retrátil no teto. E o que isso significa minha gente?! Pasmem, o teto do estádio abre e fecha. Foi o que aconteceu com a minha boca quando me passaram essa informação. ??

Um dos pontos altos da visita na Arena da Baixada foi conhecer um pouco mais sobre o time Atlético Paranaense e sua história. Eu não sabia por exemplo, que o clube surgiu da fusão de dois times de Curitiba em 1924, o Internacional e o América.

Na verdade, eles decidiram se unir em 1923. Três dias depois que o América  se retirou do gramado no meio de um jogo, protagonizando uma cena que imagino ter sido bem dramática. Só que por conta de uma pequena divergência sobre as cores da camisa eles demoraram cerca de um ano pra entrar num acordo. Coisa rápida né?!

Para saber todos os detalhes sórdidos e gloriosos sobre a história do time dê uma bisbilhotada no site oficial do Atlético Paranaense. No site tem uma linha do tempo que explica tudo tim-tim por tim-tim.

Arquibancada do estádio do Atlético Paranaense

Fatos interessantes sobre a Arena da Baixada

Outra coisa que me chamou a atenção é o fato de que o clube não vive apenas dos jogos de futebol. Eles tem uma administração bem criativa e estão sempre buscando formas alternativas de arrecadação. Amei perceber que o empreendedorismo também pode estar presente no futebol. A criatividade pode ser útil em qualquer ramo de atividade.

O estádio por exemplo, pode ser usado para qualquer tipo de evento. Desde uma reunião mais simples até o mais complexo como um UFC da vida ou um casamento coletivo de 1.700 casais. Tem louco pra tudo nesse mundo! Aparentemente esse casamento coletivo virou moda, porque o de 2018 já foi a segunda edição.

Mas vamos aos fatos. Vou listar aqui algumas coisas interessantes que aprendi durante o tour na Arena da Baixada.

Oito coisas que aprendi visitando a Arena da Baixada em Curitiba

  • O teto supertecnológico que abre e fecha, demora 25 minutos pra abrir.
  • O tenor Andrea Bocelli já cantou na Arena da Baixada e amou a acústica do estádio. Meus contatos fortes lá dentro ouviram ele dizer que foi a melhor.
  • A lotação máxima do estádio é de 43 mil torcedores.  Mas a estrutura pode receber até 60 mil pessoas em eventos com segurança.
  • A Arena da Baixada foi o terceiro maior público do UFC. Entre expectadores e equipe de apoio contabilizou-se cerca de 45 mil pessoas no estádio. Perdeu só pro Canadá e outro país da Oceania na quantidade de público.
    Gramado da Arena da Baixada
    Aqui você pode cair Neymar!
  • Eles possuem um sistema avançado de cadastro e catracas digitais que pode inclusive bloquear o acesso de pessoas indesejadas. Tipo um foragido da polícia ou um torcedor baderneiro que gosta de encrenca.
  • Neymar pode cair a vontade nesse campo porque o gramado do estádio não é um simples gramado. É um gramado sintético com certificado FIFA que é hidratado antes dos jogos com água captada da chuva pra ficar macio . Tá bom pra você?!
  • O estádio possui 35 camarotes de 12 a 20 lugares. Deve ser muita riqueza assistir um jogo do Atlético na Arena de dentro de um desses camarotes. Estou, inclusive, aceitando convites. Fica a dica Atlético Paranense. Me leva que eu vou!
  • A administração do clube é fã de polêmicas estrategicamente calculadas. E foi assim que eles decidiram certa vez boicotar a TV e não vender os direitos de transmissão dos jogos do  clube no Campeonato Paranaense. Acharam uma ninharia o que as emissoras ofereceram e os jogos simplesmente não passaram na televisão. A galera ficou revoltadíssima. Mas numa jogada de mestre eles conseguiram arrecadar o mesmo volume de dinheiro com publicidade transmitindo os jogos pela internet através das redes sociais. Eu amei essa história! Sou do tipo que ama dar um tapa na cara dos que me subestimam.

Como chegar a Arena da Baixada em Curitiba

O estádio Joaquim Américo Guimarães fica na rua Buenos Aires, 1260, bairro Água Verde. Uma localização super privilegiada. A Arena está a 3,5 km do centro da cidade e a 2,5 km do bairro Batel, que é uma região cheia de hotéis, lojas e restaurantes. O Shopping de Curitiba fica a apenas 1,5 km do estádio.

Isso é ótimo para quem viaja pra participar de algum evento específico como assistir um show ou simplesmente ver um jogo de futebol. Pra chegar na Arena o melhor jeito que encontrei foi o santo Uber. Achei muito em conta andar de Uber em Curitiba.

A corrida até o estádio por exemplo, me custou apenas R$11,57,  saindo do centro cívico. Se eu tivesse dividindo a corrida com mais pessoas, talvez ficaria algo bem próximo ou mais barato que o preço da passagem de ônibus.

Como eu não estava a fim de sair procurando ponto de ônibus 8:30 da manhã e já estava atrasada pro passeio, o Uber foi um dinheiro muito bem gasto. Mas pra quem prefere ir de ônibus é só conferir no site oficial do clube que eles explicam quais as linhas de ônibus usar pra chegar na Arena.

Pra quem vai de carro, o estádio tem estacionamento próprio que custa 30 reais. A  entrada é pela rua Brasilio Itiberê e ele abre sempre 2 horas antes dos jogos. E se você estiver hospedado ali por perto, dá pra ir tranquilamente a pé. O entorno do estádio não me pareceu um lugar perigoso. 

Como é o passeio pela Arena da Baixada

Eu sei! Se você não faz o tipo fã de futebol sua língua deve estar coçando para me perguntar se mesmo assim o tour no estádio vale a pena. Acertei? Antes de te responder isso quero ressaltar que opinião é igual problema.

Cada um com o seu, e todo mundo sempre acha que o seu é o maior e mais importante.  Se mesmo assim ainda quer saber a minha,  eu te conto feliz da vida. Achei o passeio na Arena da Baixada maravilhoso.

Não esperava que ia ser tão legal conhecer um estádio.  Na minha humilde e sincera opinião vale a pena fazer o tour na Arena da Baixada e quem está em busca do que fazer em Curitiba devia inclui-lo no roteiro sem medo de ser feliz.

Durante a visita conhecemos um pouco da história do clube Atlético Paranaense, sobre a construção do estádio e alguns dados estatísticos interessantes sobre a gestão do clube. Entramos ainda em lugares do estádio com acesso restrito. Lugares que você não entraria se fosse na Arena apenas para assistir um jogo de futebol.

Lugares visitados durante o tour

Durante o tour passamos pela sala de coletiva de imprensa, pelos camarotes, pelos vestiários e também pela cabine onde os comentaristas assistem e narram os jogos. Talvez eu tenha até sentado na mesma cadeira que o Galvão Bueno, vai saber?!

Passamos ainda pelas banheiras de hidromassagem e aprendemos mais sobre o processo de relaxamento muscular que o jogadores são submetidos depois do jogo. Pra mim que já pulei pelada no mar congelante da Suécia (saiba mais sobre essa história aqui), esse processo é fichinha.

Por fim, sob o barulho da torcida do Furacão chegamos aos gramados da Arena e aí cada passo foi um flash. Tirei foto deitada, chutando, de frente, de costas e de tudo quanto é jeito que consegui imaginar na hora. Mas o tour comum, não dá acesso ao gramado e as pessoas não tem direito de bater um pênalti e chutar na trave como eu. O que é uma pena! Mas mesmo assim ainda recomendo muito a visita, fica a dica.

Sobre os ingressos e horários do tour no estádio do Atlético Paranaense

As visitas acontecem de terça a domingo (inclusive feriados), às 9h30, 10h30, 11h30, 14h, 15h e 16h. Os ingressos podem ser adquiridos apenas no Centro de Atendimento, localizado na entrada principal do estádio e custam para o público geral R$ 20,00 a inteira e R$ 10,00 a meia-entrada. Sócios do clube tem 50% de desconto.

Outro detalhe importantíssimo é que eles aceitam cartão de débito e de crédito. Pra mim isso é tudo na vida!

Além do tour comum tem uma visita guiada para ensaios fotográficos. Talvez seja uma ideia diferente pro booking de casamento ou de 15 anos se você é um torcedor do Atlético ou fissurado em futebol. Já pensou?!

Galeria de fotos passeio Arena da Baixada

Onde ficar em Curitiba para assistir aos jogos do Atlético Paranaense

Se você está viajando para Curitiba exclusivamente para assistir um jogo na Arena da Baixada ou ir a qualquer evento realizado lá, pode ser interessante ficar hospedado perto do estádio.

Pensando nisso, separei algumas dicas de hotéis em Curitiba que ficam bem perto do estádio, perto o suficiente pra ir a pé. Mas se isso não faz a sua cabeça, os bairros mais interessantes pra ficar hospedado seriam o Bairro Batel ou o centro de Curitiba.

Dicas de hotéis em Curitiba perto da Arena da Baixada

Outros passeios para fazer saindo de Curitiba

Como acompanhar os jogos do Atlético Paranaense

Se depois de visitar a Arena da Baixada seu coração for fisgado pelo Atlético Paranaense e surgir uma necessidade de torcer pelo time, vestir a camisa e acompanhar o jogos. Não se desespere. No site oficial do clube você consegue acompanhar a agenda dos próximos jogos e também a pontuação do Atlético nos campeonatos disputados.

Tour Arena da Baixada

No fim das contas, terminei o passeio encantada com o clube Atlético Paranaense. Saí do estádio Joaquim Américo Guimarães vestindo a camisa do Furacão que ganhei, no sentido literal, e virei fã da administração do clube. Ou seja, não tenho nem a camisa do Cruzeiro, mas agora tenho do Furacão Rubro-Negro. Meu pai vai sofrer de desgosto, mas vida que segue!

Se ficou alguma dúvida sobre o passeio na Arena da Baixada, ou se você tem alguma dica que queira acrescentar, não se acanhe. Despeja tudo nos comentários, prometo responder todos com muito amor no coração!


Utilizando os links acima o blog ganha uma pequena comissão a cada reserva efetuada. Não custa nada pra você! Além de adquirir produtos e serviços que serão necessários para sua viagem você contribui para que o Viaje na Web continue publicando dicas e compartilhando experiências. Todos os parceiros do site são minuciosamente escolhidos, só fazemos parcerias e indicamos empresas e produtos que acreditamos.


Inspire-se, não pire, e vem viajar com a gente em tempo real no instagram!

Receba nossas dicas por email 🙂

Junte-se a nossa comunidade de viajantes e receba nossas dicas por email.


The following two tabs change content below.
Mentaliza uma manteiga derretida que tem um pânico irracional por taruiras. Ama viajar, comprar sapatos e escrever. Um belo dia resolveu criar um blog pra compartilhar seu ponto de vista e escrever sobre os lugares mais incríveis que já conheceu.

2 thoughts on “Tour na Arena da Baixada do Atlético Paranaense em Curitiba

  1. o teto do estádio abre e fecha. Foi o que aconteceu com a minha boca quando me passaram essa informação. ??
    kkkkkkkk Adorei essa frase, muito criativa por sinal.

    Lindo pooost Fer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *