Como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre em Paris

Antes de começar a te contar como ir do aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre pelo metrô tenho uma ressalva. Já vou adiantar que se estiver com hora marcada ou mais de uma mala essa definitivamente não é uma boa escolha.

 

Já fiz esse trajeto algumas vezes e a primeira vez foi catastrófica. Eu estava com uma mala extremamente pesada e como se não bastasse isso, as rodinhas estragaram no meio do caminho. Pra piorar encontrei vários lances de escadas pra dificultar minha vida. Tentem imaginar a tragédia.

Guia de como ir do aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre

Sempre que chegamos em um novo destino é normal ter dúvidas sobre qual é a melhor maneira de sair do aeroporto e chegar no hotel. Paris é muito bem servida de metrô, e depois de pegar o jeito, é muito fácil se locomover na cidade. Para sair do aeroporto então, não é diferente.

 

Para ajudar vocês que procuram uma opção prática e mais econômica, elaboramos um passo a passo de como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre usando as linhas RER. O guia é baseado na nossa experiência por lá, espero que nossos erros sirvam para ajudar outros viajantes.

 

Leia mais: Roteiro de um dia em Paris: os principais pontos turísticos

 

Já contratou o Seguro Viagem?

 

Além de ser obrigatório na Europa, a imigração de qualquer país pode usar o documento como critério para negar ou autorizar a sua entrada. E caso haja algum imprevisto, acredite, o seguro será o seu melhor amigo. Faça agora mesmo uma cotação na Seguros Promo e escolha entre as melhores seguradoras sempre o melhor custo benefício. Aproveite e ganhe até 10% de desconto utilizando o nosso cupom: VIAJENAWEB5.

Passo a passo de como ir do aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre

Passo 1: siga as placas dentro do aeroporto Charles de Gaulle.

Chegando no aeroporto Charles de Gaulle procure pelas placas RER ou Paris by Train. Siga as placas para encontrar as linhas de trem.

 

Passo 2: desça as escadas em frente ao guichê de informações turísticas de Paris.

Ao seguir as placas, em algum momento você irá encontrar o guichê de informações turísticas no aeroporto. Na dúvida pergunte, mas em frente dele tem uma escada. Achando a escada é só descer e lá em baixo prestar atenção na sinalização indicando as linhas da estação. Ali por perto também estão as máquinas automáticas de venda de bilhetes.

 

Leia mais: Dicas e informações básicas sobre Paris

 

Passo 3: compre seu bilhete de trem. 

Não gaste tempo tentando comprar o bilhete nas máquinas automáticas. Não é muito complicado. Mas se for a sua primeira vez, chegando de viagem não é a melhor hora para aprender.

Descendo mais um lance de escada tem uma bilheteria com atendentes. Se a fila não tiver surreal acho que compensa comprar lá. Não vale a pena queimar neurônios tentando decifrar as máquinas depois de um voo de 9 ou 10 horas de viagem.

A grande vantagem de comprar na bilheteria é poder perguntar se estamos no lugar certo. Lá eles te dão um mapa e informam direitinho qual é a melhor estação que você deve descer para fazer baldeação. A passagem custa 10 euros e o bilhete do RER dá direito a continuar de metrô até o seu destino final. Por isso não o jogue fora até ter chegado ao seu último destino.

 

Passo 4: ache a estação das linhas 11 e 12.

Com o bilhete em mãos, siga as placas RER B, 11 e 12. Descendo a escada, o trem que pegamos estava a nossa direita. Por precaução confirme pelo mapa dentro do trem se tem o nome da estação nos pontos acesos. A estação que usamos para fazer a baldeação até Montmartre foi a Gare Du Nord.

 

Passo 5: não se esqueça de fazer a troca de trens na estação Gare du Nord.

Preste atenção aos pontos acesos.

A medida que as estações vão passando eles vão se apagando. Descendo em Gare Du Nort procure pela linha dois e pegue o trem sentido Porte Dauphine. A Gare Du Nord é uma estação bem grande, leve em conta que vai andar um pouco até encontrar o lugar certo. Por isso mantenha a calma, que você também vai achar o trem certo.

 

Passo 5: não se esqueça de fazer a troca de trens na estação Gare du Nord.

Preste atenção aos pontos acesos.

A medida que as estações vão passando eles vão se apagando. Descendo em Gare Du Nort procure pela linha dois e pegue o trem sentido Porte Dauphine. A Gare Du Nord é uma estação bem grande, leve em conta que vai andar um pouco até encontrar o lugar certo. Por isso mantenha a calma, que você também vai achar o trem certo.

 

Dica importante sobre como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre

Uma dica importante em Paris é se hospedar próximo a uma estação de metrô. Em minha segunda visita a cidade, fiquei do lado da estação Gare du Nord. Apesar de não ser o lugar mais bonito da cidade, posso dizer que foi extremamente prático. Com poucos minutinhos eu estava perto de tudo!

Fiquei hospedada no hostel St Christopher Gare du Nord. Quem quiser um pouquinho mais de conforto tem o Ibis Gare Du Nord TGV  que também é do lado.

 

Passo 6: desça na sua estação.

Descubra qual estação é mais próxima do seu destino e voilà, só descer nela. As estações em Montmartre que usamos foram Anvres e Pigalle.  Em outra ocasião (dia que fomos a Disney) também usamos a Abbesses, mas essa ultima é uma linha diferente das outras duas.

 

Agora vamos as perguntas práticas sobre como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre.

Quanto tempo gasta para ir do aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre?

Foi fácil ? Valeu a pena descobrir como ir de trem do aeroporto até Montmartre?

 

Não vou mentir pra vocês caros leitores.  Nos aventuramos a sair do aeroporto de metrô em nossa primeira ida a Paris e foi uma aventura. Mas contextualiza: estávamos em quatro, com quatro malas gigantescas, depois de um voo longo, todo mundo sem paciência e com hora marcada pra pegar a chave de um airbnb. Fora que descemos em uma estação onde não tinha escada rolante. Portanto se tiver mais de três pessoas pegue um táxi.

 

Em outras vezes viajando em dupla e sozinha, foi super tranquilo, sem traumas.

 

Além de evitar trânsito, é um transporte eficiente, econômico e facilita muito a nossa vida.

Resumo da nossa experiência indo de trem do aeroporto de Paris até Montmartre:

O problema pra nós não foi achar o caminho dentro do metrô. Essa parte foi relativamente tranquila, exceto quando pegamos o sentido errado e tivemos que voltar uma estação para consertar o erro. Mas isso é normal, essas coisas acontecem. A tragédia do dia foi a dificuldade de achar o apartamento que alugamos depois que saímos da estação.

 

Saindo do metrô não sabíamos para qual lado ir. O mapa que imprimimos não adiantou. Demos várias voltas ao redor do mesmo lugar tentando descobrir magicamente pra que lado ficava nossa rua. Nessa época ainda não tínhamos descoberto as maravilhas de se viajar com um chip de internet internacional

 

Pedimos então informação na rua mas algumas pessoas não sabiam, outras não falavam inglês. A sorte foi que uma boa alma, mesmo não sabendo onde era, nos fez o favor de consultar o celular dele e ainda confirmou com um conhecido que trabalhava por perto qual era a direção correta. Graças a esse camarada achamos nosso endereço. Não era longe da estação que descemos afinal, mas o estrago maior já estava feito.

 

Tínhamos combinado com o dono do apartamento um horário, só que em função de toda essa aventura pelo metrô parisiense gastamos uma hora a mais que o esperado. Resultado foi que quando finalmente chegamos o locador já não estava mais lá. O desespero tomou conta, sem celular, sem chave e sem saber o que fazer.

 

Ficamos por mais de uma hora chorando as mágoas do nosso dia fracassado até que um brasileiro escutou nossas lamúrias. Como um anjo enviado por Deus ele ligou para o locador explicando a situação do celular dele, sim gente um brasileiro!!

 

Essa viagem foi um divisor de águas na verdade. Teve essa tragédia na chegada e ainda ficamos quase dez horas perdidas pelas estradas francesas a caminho do Mont Saint Michel. E a partir dai nunca mais viajei sem o meu chip da Easysim4u

 

Internet ilimitada no celular durante a viagem

 

Não dá mais pra viajar para o exterior sem internet no celular. Para fugir das altas tarifas das operadoras a melhor solução é comprar um chip internacional antecipadamente e já chegar no destino com tudo funcionando sem precisar correr atras de um chip local. A Easysim4u e a Viaje Conectado oferecem planos sob medida para mais de 200 países com conexão de internet 4G. Clique nos links para saber mais.

 

Lições que aprendemos indo por conta própria do aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre de trem:

 

  • Ir de metrô é bem arriscado se você tiver com seu tempo contado.
  • Normalmente o trajeto é rápido, uns 40 min no total, mas imprevistos podem acontecer.

 

Talvez se minha mala fosse menor, se estivéssemos escolhido um hotel (mais fácil de achar) e não tivesse alguém esperando pela gente a aventura teria sido menos angustiante.

 

Mas tudo tem um lado positivo, as lições que aprendi foram: nunca saia do aeroporto com o celular sem bateria, nunca viaje com uma mala muito pesada, jamais vá com uma mala se as rodinhas dela não funcionarem direito. E por último se tiver marcado um horário prefira o táxi! Capiche?!

 

Essas foram nossas dicas de como ir do Aeroporto Charles de Gaulle até Montmartre. Se você não está a fim de arriscar ou acha que dá muito trabalho, pode contratar um transfer ou uma minivan compartilhada. Vou deixar abaixo os links:

 

Transfer do aeroporto CDG ou Orly a Paris

Aeroporto CDG transfer particular

Minivan compartilhada  (algo em torno de 18 euros).

Conta pra gente depois como foi sua experiência pois ela pode ajudar outro viajante a decidir qual a melhor forma de chegar em Paris.

gostou? Compartilhe!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
No Comments

Post A Comment

Bruna e Nanda Bragatto

Somos duas irmãs completamente diferentes que possuímos em comum o desejo de viajar e compartilhamos nosso amor pelo mundo aqui no blog com dicas de viagem e outras coisinhas mais. Saiba mais sobre a gente!