Roteiro de viagem pela Croácia

Roteiro de viagem pela Croácia

Montar um roteiro de viagem não é uma tarefa fácil. São muitas informações que precisamos coletar sobre destinos, deslocamentos, custos e etc. Quando fui montar o meu roteiro de viagem pela Croácia tive poucas informações sobre o que seria melhor. Por conta disso, acabei cometendo alguns erros no percurso. A viagem foi excelente do mesmo jeito, mas se algumas coisas tivessem sido melhor estudadas teríamos tirado mais proveito.

Então, baseada na minha própria experiência, vou fazer pra vocês o que eu acho que seria o roteiro IDEAL pra quem deseja conhecer a Croácia de carro e não o roteiro que eu fiz, porque achei muitas falhas nele como vou explicando pra vocês no decorrer do post.

Dicas importantes

Na minha opinião a melhor maneira de fazer um roteiro de viagem pela Croácia é de carro. O país está bem preparado para o turismo, mas se você for depender de ônibus vai perder muito tempo nos deslocamentos e pode ficar mais cansativo.

Alugue seu carro na Croácia com desconto pela Rentcars

Uma coisa muito importante na hora de montar um roteiro é escolher quantos dias ficar em cada lugar. Existem lugares que não precisam mais do que um dia para visitação, mas cuidado ao optar por ficar pouco tempo em cada lugar. Isso pode tornar sua viagem muito corrida e cansativa.  Viajar é bom, mas ficar o tempo todo dentro de um carro não é legal.

Por isso estude bem a distância entre as cidades, aumente sempre o tempo mostrado pelo GPS do google no cálculo e respeite o seu tempo para descanso.

Outra coisa muito importante: quando for escolher os hotéis nas cidades croatas opte sempre por ficar dentro da cidade velha. Assim, não corre o risco de ficar mal localizado.

QUANDO IR

A coisa mais importante que é preciso observar ao montar um roteiro de viagem pela Croácia é a previsão do tempo.

A maioria das pessoas que viajam para lá procuram praia e diversão, logo o período ideal é o alto verão entre junho e agosto. Eu fui no meio de setembro e não recomendo. Já estava frio para os meus padrões e muita coisa foi cancelada por conta do tempo, como passeios de barco e etc.

ONDE COMEÇAR

Por uma questão de logística e passagem mais em conta eu comecei o roteiro por Dubrovnik. Mas se pudesse fazer de novo teria feito o contrário e começado por Zagreb.

Acontece que as cidades da Croácia são bem parecidas na estrutura: um centro histórico, cidade murada, estilo medieval etc. E Dubrovnik é deslumbrante de linda e se vemos o mais bonito primeiro temos a tendência natural de não nos impressionarmos com o “menos belo”. Coloquei em aspas porque nós sabemos que tudo é uma questão de perspectiva e cada lugar tem o seu charme e a sua relevância. Mas comigo foi assim. Não que eu não tenha gostado das outras cidades em que estive, mas confesso que fui me cansando ao longo da viagem.

Ao passo que se tivesse invertido o meu roteiro o meu grau de deslumbramento seria crescente.  Se não tiver opção ok, mas se puder escolher, leve isso em consideração.

Uma das praias da ilha de Brac

Então vamos ao roteiro ideal de viagem pela Croácia.

ZAGREB

Zagreb é a capital da Croácia desde 1991 e também a maior cidade do país. Tente começar o seu roteiro de viagem pela Croácia por aqui, como já mencionei acima.

A capital da Croácia é bem diferente das outras cidades croatas que passamos. Não tem aquele estilo medieval e sim avenidas largas,  parques com área verde, edifícios modernos.

Um dia é suficiente para fazer toda a parte turística da cidade, que é dividida entre Cidade Alta e Cidade Baixa. Comece o seu dia pela Cidade Baixa, pela área da ferradura verde, no sentido da praça principal, a Bana Josipa Jelacica. Você vai passar por parques e edifícios históricos como a Pavilhão da Arte e a Galeria dos Velhos Mestres. Outros pontos de interesse dessa área são: a Catedral da Assunção da Sagrada Virgem Maria e o Palácio do Arcebispo.

Pegue o funicular e vá para a parte da Cidade Alta. Não deixe de conhecer a Igreja de São Marcos e o edifício do Parlamento, de onde foram proclamadas a separação da Croácia do reino astro-húngaro e a independência da Iugoslávia.

—-> Escolha a melhor opção de hospedagem em Zagreb aqui <—-

Plitvice

Parque Nacional dos lagos Plitvice

Sem dúvida nenhuma, umas das atrações mais espetaculares da Croácia.  O Parque Nacional dos Lagos Plitvice faz parte dos Patrimônicos Naturais da Humanidade da UNESCO.

São 16 lagos em tons surpreendentes de azul  e verde conectados por cachoeiras e divididos em 12 lagos que formam a parte superior e 4 lagos que formam a parte inferior do parque.

O passeio é feito por passarelas de madeira que foram construídas atravessando os lagos, e tem até uma parte que andamos de barco. Gente, é surreal de lindo esse lugar. A água é muito cristalina, uma pena que não é permitido nadar.

A entrada custou 110 kn (aproximadamente 60 reais) e não existe melhor época para visitar os parques. Cada estação traz uma paisagem única. O único cuidado que você deve ter é, se possível evite ir com chuva. Pra variar, no meu caso, não teve como evitar, fui na chuva mesmo. Como era o único dia que teria para conhecer, valeu a pena. Mas se puder escolher, evite dias chuvosos.

Atenção

Na hora de montar o seu roteiro de viagem pela Croácia preste atenção nesses detalhes:

  • Um dia é suficiente para conhecer o parque.
  • Se estiver saindo de Zagreb são 160 km de viagem. De Zadar são 188km. De Split a Plitvice são 270 km.
  • Escolha a rota H para conhecer o parque completamente, no entanto é uma das mais longas, com 6 a 8 horas de duração. Mas você está lá é pra conhecer mesmo né?!
  • Considere dormir na região, já que viajar, andar 8 horas e depois pegar estrada novamente pode ser muito cansativo. Eu vim de Zadar pela manhã e como estava chovendo, não tirei o máximo de proveito do parque, então já segui viagem pra Zagreb. Mas como o meu roteiro ideal seria ao contrário, considere dormir em Plitvice antes de descer para Zadar ou Split. Veja opções as melhores opções de hotel aqui.
  • Para informações completas sobre valores e horário de funcionamento acesse o site oficial do Parque.
  • Use tênis ou bota de trilha. Belive me, eu fui de all star e minha escolha não poderia ter sido mais trágica. Além de não ter conforto nenhum, me lasquei por causa da chuva e fiquei o dia inteiro com os pés molhados.
  • Leve água e snacks. Não vai ser fácil achar por lá.
  • Não deixe de visitar esse lugar, se estiver nevando, chovendo, trovejando: APENAS VÁ!

ZADAR

Praça central de Zadar

Zadar é uma cidade costeira localizada na costa da Croácia. Com mais de 3 mil anos de história, foi por mil anos a capital da região da Dalmácia.

Como quase todas as cidades croatas, sua principal atração é sua cidade murada bem preservada. No entanto essa cidade tem duas atrações únicas, muito interessantes: o Sea Organ ou órgão do mar e o Greeting to the Sun, ou Saudação ao sol.

O Sea Organ é um instrumento construído com degraus de mármore branco e um conjunto de tubos que fica abaixo da água. Assim conforme as ondas do mar e o vento batem nas degraus formando sons harmônicos. Detalhe, o som nunca será igual pois depende da maré e do vento. Surreal!

O Greeting to the Sun foi outra criativa ideia. Como o sol brilha abundantemente em Zadar, foi desenvolvido um círculo com 22m de diâmetro com capacidade de absorção de energia solar. Durante o dia elas absorvem energia e a noite elas se transformam em luzes coloridas e sincronizadas.

A cidade é um exemplo de como intervir de forma artística e arquitetônica respeitando a natureza e transformando o espaço urbano em um super atrativo para turistas e locais.

Sea Organ

Ah não posso deixar de dizer que o pôr do sol de Zadar é considerado um dos mais bonitos do mundo. Por ironia do destino, não pude ver já que o tempo em nada colaborou.

Roteiro de um dia por Zadar

Um dia é suficiente para conhecer a cidade. Mas como ela está localizada perto das mais belas praias da Croácia, considere usar a cidade como um bate e volta e fique mais um dia.

Comece o dia no centro histórico. Conheça a Igreja de São Donato do século IX e as ruínas do fórum romano. Em seguida vá a Torre do Sino da Catedral de Santa Anastácia, que por vezes é confundida com a de São Donato pela proximidade. Se tiver com disposição suba os 150 degraus da torre para apreciar a vista de Zadar do alto.

Caminhe pela Riva, que é o calçadão a beira mar da cidade, até o Sea Organ. Aproveite o fim de tarde por ali, contemple a melodia do Sea Organ, se estiver com sorte aprecie o por do sol e a noite se divirta com o Saudação ao Sol.

Dia 2 – opcional

Se no seu roteiro de viagem pela Croácia você estiver com tempo, considere uma esticadinha na cidade. A cidade de Zadar têm algumas das melhores praias da Croácia em um raio de 100km de distância do seu centro . Considere as opções abaixo.

Parque Nacional Kornati

É o passeio mais popular saindo de Zadar. O Parque Nacional Kornati é um arquipélago formado por 89 ilhas. Os tour duram o dia inteiro e custam em média 50/60 dólares.

Sveti Duh (ilha de Pag)

Famosa pela produção do Paški sir, um queijo local de leite de cabra que é caro, mas delicioso, a ilha fica a uma hora de Zadar.

Ilha de Ugljan

Localizado a 30 minutos de ferry de Zadar e é uma ótima opção de passeio de um dia. Como eu não, clique aqui e veja o relato completo da Lara do blog O mundo é pequeno para mim.

—-> Encontre a melhor opção de hospedagem em Zadar aqui <—-

SPLIT

Vista do Marjan Hill

Split é a cidade mais estratégica da Croácia. De lá que saem a maioria dos barcos para as ilhas e também para a Itália. Então tem muita gente de passagem por lá.

Um dia é suficiente para conhecer a cidade. Não morri de amores por ela, mas acho super importante conhecer o Palácio de Dioclesiano, que é a principal atração turística da cidade.

Por isso, comece o deu dia pelo palácio, que é o centro histórico praticamente dito. Compre  o ingresso completo que dá direito a entrada ao Zvonik Bell Tower , a Catedral de St Dômnio (a catedral mais antiga do mundo), ao batistério e as criptas e custa 45kn, equivalente a 6 euros.

Tem muita coisa preservada da época de 305 d.C , o que eu achei sensacional. Lá também foram gravadas algumas cenas de Game of Thrones.

Caminhando pela Riva

Depois de visitar os principais pontos de interesse do palácio, dê uma caminhada pela RIVA (o calçadão a beira mar) que é lotado de restaurantes e lojinhas. Termino o dia caminhado até o Marjan Hill para ter uma vista panorâmica da cidade, mas prepare as perninhas, são muitos degraus.

—-> Encontre a melhor opção de hospedagem em Split <—-

Hvar

Essa é a ilha do momento da Croácia. Considerada a nova Ibiza européia, a ilha de Hvar bomba no verão europeu. Eu resrevei 4 dias inteiros na ilha, sendo um para bate e volta até a ilha de Brac. Me arrependi, posi achei Brac muito mais charmosa. Se eu voltasse, ficaria dois dias em cada ilha.

Quem for optar por fazer isso, fiquei ligado ao deslocamento. Pelo que vi, se estiver de carro é mais interessante deixar o carro em Hvar, ir para Brac, e seguir viagem de Hvar. Levar o carro entre essas duas ilhas pode dificultar e encarecer a logística.

Não demos muita sorte com o tempo na ilha.

Dica importante

Se você vier de Dubrovnik não pegue o ferry em Split. Existe uma cidade croata chamada Drevnik, que é mais próxima e o ferry é muito mais barato. Se você veio de Split e vai seguir para Dubrovnik, a dica também é válida. Não volte para Split. Dirija até a porto de Sucuraj na ilha de Hvar e pegue o ferry para Drevnik. De lá são 124km até Dubronik.

Atenção: na estrada você vai passar por uma parte do território da Bósnia e Herzegovina,. São apenas 9km mas tem fronteira e controle de passaporte então não esqueça ele na mala 😉

Os tickets não são vendidos pela internet, então pesquise os horários no site oficial da empresa Jadrolinija e chegue cedo no local.

—-> Escolha a melhor opção de hospedagem em  Hvar aqui <—-

Roteiro de dois dias pela ilha de Hvar

Na Croácia as águas são assim, clarinhas.

Dia 1

Comece o dia conhecendo a parte histórica da cidade, na praça principal. Lá estão a Catedral de São Estevão e a Torre do Relógio (assim como quase todas as cidades que visitei por lá). Se perca nas ruelas da cidade e visite a Fortaleza Espanhola, que tem uma vista privilegiada da cidade.

Ao entardecer siga para o Hula Hula Beach, um beach bar famoso na beirada da praia. Lá a galera se reúne para ver o por do sol e é uma ótima pedida pra quem gosta de agito.

Para os baladeiros de plantão, a noite vá para o badalado Kiva Bar. O lugar fica pipocando de gente, e é uma das baladas mais procuradas por lá.

Dia 2

Reserve esse dia para conhecer as Ilhas Pakleni, não deixe de fora a praia de Palmizana.

Na praça principal você vai ver várias lojinhas de turismo que oferecem aluguel de barco.  Se estiver com galera é uma ótima pedida, fica em torno de 100 dólares o aluguel para o dia inteiro com o combustível. Não precisa de licença e lá na hora mesmo te ensinam como navegar.

Se preferir também pode contratar o serviço com “motorista” ou um taxi boat.

Dica de amiga: não caia na bobagem de fazer um passeio de barco que inclui as Ilhas Pakleni, blue caves, green caves e outras praias. Primeiro porque você fica mais tempo navegando do que nos lugares, o que fica extremamente cansativo. Foram mais de uma hora de navegação até o primeiro ponto.

Segundo, as green caves não são nada demais. E se você já viu alguma Blue Caves da vida, é mais do mesmo.

Eu fiz esse passeio, custou 66 euros e foi sem dúvida minha pior escolha na viagem. O tempo de parada em cada lugar é mínmo, mal mal deu pra tirar foto. Não recomendo.

Ilha de Brač

A ilha de Brač foi uma surpresa no meu roteiro de viagem pela Croácia. Era parada obrigatória por causa de Bol, umas das praias mais famosas da Croática. Mas eu fiquei apaixonada, e particularmente achei muito mais charmosa do que Hvar. queria mesmo ter pernoitado por lá.

A ilha é muito bonita, com um calçadão gostoso para caminhar, tem praias com um azul maravilhoso e várias lojinhas com produtos típicos, principalmente de azeite. Trouxe dois azeites divinos de lá.

A atração mais famosa da ilha é a praia de  Zlatni Rat em Bol. Se tiver tempo vá ao mirante para ver a famosa vista da praia de cima.

Apreciando a praia de Zlatni Rat

—-> Escolha a melhor opção de hospedagem em Brac aqui <—-

Dubrovnik

A cidade mais bonita da Croácia, e também uma das mais bonitas em que já estive na vida. Dubrovnik é conhecida como a pérola do Adriático, e merece mesmo o título.

O principal passeio turístico aqui é se perder pelas ruelas de sua cidade murada, e acredite, você vai querer fazer isso várias vezes. É tudo tão preservado, limpo, brilhando que nem dá pra acreditar que a cidade foi bombardeada na década de noventa.

Eu recomendo 3 dias inteiros na cidade, e foi o que eu fiz.

Ah, fique ciente que Dubrovnik não é um destino de praia propriamente dito. Deixe isso para as ilhas 🙂

Passeando pela cidade antiga

Dia 1

Comece conhecendo as muralhas de Dubrovnik. Custa 150kn e é um passeio imperdível. A vista é linda e você vai parar em vários pontos para tirar fotos.

Pegue o teleférico da cidade para ver o pôr do sol la de cima. A vista é linda e tem um restaurate muito bacana lá chamado Panorama. Não é o mais barato, mas é super charmoso e confortável. Vale muito a pena.

Dia 2

Conheça todos os pontos turísticos da cidade, como a Igreja de São Sávio, o mosteiro franciscano, Igreja de São Blásio entre outros.

Recomendo que faça um Walking Tour, e para os fãs de Game of Thrones existe um específico para os locais onde foram gravadas cenas da série. A gente empolga muuuito, eu pelo menos fiquei bem eufórica.

Onde foi gravado a cena da caminhada da vergonha, Walk of Shame, da Cersei.

—-> Escolha a melhor opção de hospedagem em Dubrovnik aqui <—-

Dia 3

Use esse da para fazer um dos vários bate e volta partindo da cidade. Você pode esticar ate Montenegro, Bósnia e Herzegovina ou uma das várias ilhas ao redor da cidade como Korcula ou o arquipélago Elaphite.

Eu fui até Mostar na Bósnia e Herzegovina e amei. Se pudesse fazer algo diferente iria de carro por conta própria. Achei o passeio muito corrido e com pouco tempo na cidade. Mas é lindo e vale muito a pena.

Mostar na Bósnia e Herzegovina

Agora é só viajar 🙂

Bom , com todas essas dicas só falta mesmo você montar o seu roteiro de viagem pela Croácia.

Independente de onde começar ou quais cidades visitar, coloque a Croácia na sua bucket list. É um país lindo, com praias maravilhosas e com uma história muito rica e que está super preparado para o turismo.

PLANEJE SUA VIAGEM COM A GENTE AQUI NO BLOG:

  • Reserve pelo Booking.com – Clique no link e veja todas as opções de hospedagem na Croácia.
  • Contrate aqui o seu SEGURO DE VIAGEM: – Nós temos parceria com a SEGUROS PROMO. Aqui você consegue pesquisar os melhores preços e com isso economiza evitando perrengues para viajar tranquilo. Use nosso cupom especial VIAJENAWEB5 e ganhe 5% de desconto.
  • Alugue seu carro com a RentCars – Aqui mesmo do Brasil você já efetua a reserva com um preço mais em conta.
  • Compre seu chip intenacional com a EASYSIM4U para usar a internet do celular durante sua viagem – Não fique sem internet  fora do Brasil, comprar um chip pra usar no exterior sai muito mais em conta e você fica muito mais a vontade do que se contratar um plano pela operadora. Após a compra, o chip chega em até 8 dias úteis para frete normal ou até 4 dias úteis por SEDEX.
  • Adquira um roteiro personalizado pelo Viaje na WEB – Se não tem tempo ou paciência para pesquisar as melhores atrações de um destino contrate nosso serviço de roteiro personalizado. Entregamos um roteiro especialmente elaborado de acordo com suas preferências e todos os links para efetuar as reservas além dicas exclusivas. Havendo interesse entre em contato através deste formulário.

Utilizando os links acima o blog ganha uma pequena comissão a cada reserva efetuada. Você não paga nada a mais por isso e ajuda o Viaje na Web a continuar escrevendo dicas e compartilhando experiências.

Você também pode curtir esses outros posts:

The following two tabs change content below.
Mentaliza alguém apaixonada por viagens. Desde criança sonhava em ser aventureira e foi com essa vontade de desbravar o mundo que nasceu o Viaje na Web. Escreve para compartilhar experiências e inspirar mais pessoas a se jogar nesse mundão. Acredita que tudo é possível quando acreditamos na força dos nossos sonhos.

Latest posts by Bruna Bragatto (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *