Valle Nevado no Chile – Estação de ski saindo de Santiago

Nesse post você vai encontrar tudo sobre o Valle Nevado no Chile: como chegar, quando ir, onde ficar e muito mais.

 

Com o frio e as férias de julho chegando muita gente começa a pensar em um destino de inverno e procurar dicas para aproveitar a neve. Um dos destinos de neve mais conhecidos pelos brasileiros é o Valle Nevado no Chile. Localizado a aproximadamente 46 km de Santiago, o Valle Nevado é a estação de esqui mais famosa do Chile. Possivelmente também da América do Sul.

 

E não é por menos. O complexo criado por empresários franceses em 1988, possui hotel 5 estrelas, restaurantes, bares, piscina aquecida ao ar livre, sauna, programação para crianças. Enfim, uma estrutura para ninguém colocar defeito.

 

Como boa blogueira de viagem que sou, lógico que eu não poderia perder a oportunidade de brincar na neve mesmo fora da temporada. E agora vou dar todas as dicas do Valle Nevado pra ajudar você a planejar a sua viagem.

 

Importante: não viaje sem contratar o seu seguro viagem. A gente nunca sabe o que pode acontecer. Além de ser obrigatório em alguns países é uma segurança a mais em nossa viagem. Eu uso sempre a SEGUROS PROMO, que funciona como um buscador de seguros. Lá você vai encontrar o melhor custo benefício.

 

Compras em Santiago: produtos que valem a pena trazer de lá.

Quando começa a temporada de neve do Valle Nevado no Chile?

A temporada de neve no Valle Nevado dura em torno de 3 meses, iniciando geralmente no final de junho até setembro.

 

Como todo ano essas datas variam o ideal é entrar no site oficial do Valle para acompanhar.

 

Entende-se por temporada de neve, a época que tem neve suficiente para as estações de esqui funcionarem. No entanto é possível encontrar neve fora da temporada também, mas para isso a gente acaba tendo que contar com a sorte.

 

É possível encontrar neve nos meses de outubro a maio?!

 

Em tese não é possível encontrar neve no Valle Nevado nessa época. Mas isso varia bastante, como falei antes é uma questão de sorte. Nós já estivemos no Valle Nevado em abril e em maio de anos distintos, e havia neve para brincar.  Nos meses de verão é muito pouco provável que isso aconteça por uma razão óbvia, o calor. No outono a possibilidade é bem maior.

 

Estive no Valle Nevado em Abril de 2016, e a sorte não esteve do meu lado no início da viagem em Santiago, mas em compensação, nevou mais de 50 cm no Valle Nevado, uma quantidade incrível para o mês de abril. Mesmo assim, não dava para esquiar. A estação de esqui abre somente durante a temporada mesmo.

 

WEBDICA: acesse o site oficial do Valle Nevado e acompanhe em tempo real as condições climáticas. Eles tem um webcam ao vivo. Quando estava planejando a viagem olhava todos os dias e vibrava demais toda vez que via neve lá.

 

Vale a pena ir ao Valle Nevado no verão?

 

O Valle Nevado no Chile durante os meses de verão não tem neve nem para brincar e muito dificilmente para ver. Nessas condições eu não indicaria a visita. O lugar fica bonito do mesmo jeito, mas de uma maneira diferente. Geralmente a expectativa de quem sobe a montanha é ver neve.

 

Por isso pode ser um pouco frustrante encarar todo o trajeto de subida e não encontrar nada. Eu enjoei muito e olha que tomei remédio! São tantas curvas que só de lembrar me embrulham o estômago.

Como chegar ao Valle Nevado

O Valle Nevado no Chile fica a aproximadamente 1 h de Santiago e não aconselhamos de maneira nenhuma ir por conta própria, principalmente nos meses de inverno.

 

São muitas curvas bem fechadas até chegar lá, especificamente 60 curvas de dar medo. Sem contar que se tiver neve na pista é obrigatório colocar as correntes.  Enfim, um trabalho desnecessário quando há varias empresas oferecendo o serviço.

 

No dia do nosso passeio tivemos que parar para ajudar um outro veículo que estava com dificuldades para subir a montanha. Muito perrengue galera.

 

PROCURANDO UM HOTEL EM SANTIAGO? ENCONTRE AS MELHORES OPÇÕES DE HOSPEDAGEM AQUI.

 

Bem mais fácil e prático contratar um transfer, combinar com um táxi ou então fechar um passeio com uma empresa turística.

 

O ponto alto do meu passeio ao Valle Nevado foi o horário e o carro: chegamos mais cedo que todas as outras empresas, então a neve estava intocada e minhas fotos ficaram maravilhosas.

 

Menos de uma hora depois o lugar já estava uma confusão de gente por todos os lados. Fomos numa van com capacidade para poucas pessoas. Conosco havia apenas um casal com a filha, o que tornou o passeio ainda mais agradável e intimista.

 

Vou deixar abaixo algumas opções de passeios para o Valle Nevado saindo de Santiago:

 

-Excursão de um dia ao Valle Nevado

-Tour de Santiago ao Valle Nevado e Farellones

-Tour ao Valle Nevado com degustação de queijos e vinhos

-Dia de esqui no Valle Nevado

-Transfer privado de Santiago ao Valle Nevado e Farelloes para grupo de até 4 pessoas

 

Vale a pena ficar hospedado no Valle Nevado?!

Se for no inverno e a intenção for esquiar, considere a possibilidade de se hospedar no Valle Nevado por uma ou duas noites. Neste caso vale a pena ficar hospedado por lá para aproveitar ao máximo a experiência.

 

São três opções de hotéis no Valle Nevado : o Hotel Valle Nevado, o Hotel Tres Puntas e o Hotel Puerta de Sol. Existe também a opção de alugar apartamentos de temporada como o Departamento Valle Nevado Ski Resort. Para conferir todas as opções disponíveis na estação de esqui e proximidades é só clicar aqui.

 

Agora se você não é nenhum expert em esqui, ou só quer mesmo conhecer, contrate um passeio de um dia que está de bom tamanho.

 

>> Em Santiago não deixe de conhecer o Sky Costanera, o mais novo ponto turístico da capital Chilena.

Dicas para a alta temporada no Valle Nevado no Chile

Para quem pretende se aventurar pelo Valle Nevado na alta temporada aqui vão algumas dicas valiosas para não passar perrengue.

 

Chegue cedo

Seja qual for sua opção de passeio no Valle Nevado, combine com o motorista/empresa um horário logo pela manhã. Sei que as vezes nas férias queremos dormir até mais tarde, mas infelizmente quando se viaja na alta temporada chegar mais tarde tem os seus inconvenientes, principalmente para aqueles que querem esquiar. Chegando no horário da abertura fica mais fácil estacionar, alugar equipamentos, arrumar um locker, etc.

 

Cuidado com o trânsito.

Com a multidão de gente que procura o Valle Nevado na alta temporada é normal a estrada ter horários limitados para subida e para descida, e também tem a questão do tempo. Se tiver nevando muito as estradas ficam fechadas. Fique muito atento a isso!

 

Alugue as roupas com antecedência.

Isso aqui vale para quem vai com o propósito de esquiar. Procure um lugar em Santiago e alugue as roupas antes dos passeios, vai sair mais barato e vai te poupar bastante tempo lá em cima.

As empresas que fazem o trajeto costumam dar uma parada antes da subida para alugar os equipamentos, mas obviamente o custo é mais alto. Já ouvi gente dizendo que vale a pena comprar roupa usada e depois revender novamente. Para quem tem a paciência de pesquisar a respeito, de repente pode valer a pena o custo benefício.

 

Evite os finais de semana e o início da alta temporada.

Isso porque aos finais de semana os próprios chilenos aproveitam para curtir a montanha. Eu particularmente odeio, odeio lugar muvucado, então indicaria a viagem para final de agosto ou início de setembro. Vai ter neve do mesmo jeito, os preços costumam ser melhores e você corre menos risco de ser pisoteado pela multidão.

 

Leve uns lanchinhos.

Na verdade, essa dica é valiosa para qualquer época. Fora da temporada no Valle Nevado quase não abre nada, e as coisas costumam ser bem caras. Então coloque uma garrafa de água na mochila, uns snacks, chocolates, etc. É melhor deixar para fazer as refeições em Santiago.

 

Leve óculos de sol e use filtro solar.

Essa também serve para qualquer época. Como fica bem no alto, em dias de sol a luminosidade chega a cegar. E mesmo não sentindo, o sol queima muito a pele principalmente no frio. Eu esqueci no hotel os óculos do namorado e não passei protetor solar. Resultado: namorado bravo e vermelho! Mas a parte do óculos pelo menos fui salva pelo guia que nos emprestou um, amém!

Sobre os custos no Valle Nevado

O bom é que não é cobrado valor nenhum para entrar dentro do Valle Nevado, ou seja um custo a menos. Se paga apenas pelas atividades que você deseja fazer, tipo usar o teleférico, fazer aulas de esqui, aluguel de equipamentos, etc.

 

O pacote que eu fechei na época custou 27 mil pesos (aproximadamente R $155,00/abril 2016). Contratando um táxi sai mais em conta, no hotel podem existir outras pessoas querendo fazer o passeio, daí se dividir o transfer vai ficar bem mais barato. Como eu estava afim de comodidade resolvi contratar o tour.

 

O aluguel da roupa (eu aluguei porque sou extremamente friorenta) foi uns 25 mil pesos todas as peças. Mas confesso que foi um exagero da minha parte. Como não fui esquiar só a bota e a calça estariam de bom tamanho. Mas enfim, vale a pena alugar antes, o custo normalmente é menor! E se quer comprar algumas roupas antes da viagem, dê uma olhada na Decathlon. Comprei várias lá e o custo benefício é excelente.

 

Alguém aí já foi ao Valle Nevado no Chile?! Tem alguma dica boa pra compartilhar?! Deixe nos comentários! E se tiver alguma dúvida é só perguntar, nós respondemos todos.

 

Veja o vídeo que gravamos com dicas práticas para conhecer o Valle Nevado, e aproveite para se inscrever no nosso canal de viagens AQUI. Lá você acompanha como foi nosso dia a dia nos lugares que conhecemos e aproveita para anotar dicas importantes.

gostou? Compartilhe!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
No Comments

Post A Comment

Bruna e Nanda Bragatto

Somos duas irmãs completamente diferentes que possuímos em comum o desejo de viajar e compartilhamos nosso amor pelo mundo aqui no blog com dicas de viagem e outras coisinhas mais. Saiba mais sobre a gente!